LP De De Lind – Io Non So Da Dove Vengo E Non So Dove Mai Andrò Uomo è Il Nome Che Mi Han Dato

R$369,00

Disponível por encomenda

LP De De Lind Io non… é com certeza um dos nomes de LP mais longos já concebidos. Nome completo é Io non so da dove vengo e non so dove mai andrò, uomo è il nome che mi han dato.

Tradução em português é “Eu não sei de onde eu venho e eu não sei para onde eu vou, cara é o nome que eles me deram”.

É considerado como um dos melhores álbuns neste estilo prog italiano. Um disco perfeito, muito bem tocado e cantado por esta banda sediada em Milão.

Eles começaram sua carreira em 1969. O nome estranho do grupo veio de um modelo popular da Playboy do início dos anos 60, e só lançaram três singles em seus cinco anos de carreira; os dois primeiros mais próximos da batida italiana da época, enquanto o terceiro teve um bom lado B.

O grupo era um sexteto em 1969. Um ano mais tarde foi reduzido a um quinteto. O álbum saiu em 1973. As partes vocais são curtas mas muito bem feitas pelo cantor Paradiso, deixando muito espaço para ambientes acústicos.

As investidas repentinas do guitarrista Vitolli e do flautista/sax/teclado Trama, e as sete faixas do álbum, são tudo de grande consideração. Sem contar com uma menção grandiosa de uma doce introdução de flauta, uma interação furiosa guitarra/flauta seguida pelas partes vocais, baseadas em violão, até chegar a um poderoso final de guitarra.

Após o lançamento do álbum, De De Lind tocou no Rassegna di Musica Popolare de 1973, realizado em Roma, e no festival Be-In, em Nápoles, com o novo baterista Fabio Rizzato.

O cantor Vito Paradiso teve uma curta carreira solo em 1978-80, enquanto o resto da banda desapareceu totalmente.
Antes de formar o De De Lind, o baterista Rebajoli havia tocado com New Dada e I Nuovi Angeli, com os quais retornou após deixar este grupo.

É um disco pra lá de importante.

 

 

 

Peso1 kg
Formato

LP

Gramas

180 gramas

Carrinho de compras